Lac

Dinâmica da produção nacional injustifica a queda das importações de bens alimentares no país

A realidade da produção nacional não justifica os dados revelados pelo Banco Nacional de Angola, que indicam uma queda de 40 por cento das importações de bens alimentares no país, segundo as declarações do jornalista económico Álvaro de Mendonça.

O economista que falava durante o programa “Manhãs da LAC” considerou haver incongruência nos dados apresentados, uma vez que a capacidade produtiva do país não consegue suprir o consumo interno.

Para o especialista, é inexplicável haver uma baixa nas importações de bens alimentares, sendo que o indicativo do que é feito em Angola ainda é consideravelmente baixo.

Álvaro de Mendonça diz ainda que a baixa nas importações de alimentos em Angola concretizou-se pela falta de divisas que o mercado apresenta, a desvalorização do Kwanza e as Taxas aduaneiras, que tem dificultado a compra de produtos importados.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

publicidade

Últimas notícias